segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Poema optimista

Encontrei no outro dia um poema que achei muito profundo. O poema é de um autor anónimo.








Poema da Prosperidade


Nem a tristeza, nem a desilusão
Nem a incerteza, nem a solidão
NADA ME IMPEDIRÁ DE SORRIR.
Nem o medo, nem a depressão,
Por mais que sofra meu coração,
NADA ME IMPEDIRÁ DE SONHAR.
Nem o desespero, nem a descrença,
Muito menos o ódio ou alguma ofensa,
NADA ME IMPEDIRÁ DE VIVER.
Em meio as trevas, entre os espinhos,
Nas tempestades e nos descaminhos,
NADA ME IMPEDIRÁ DE CRER EM DEUS. Mesmo errando e aprendendo,
Tudo me será favorável,
Para que eu possa sempre evoluir

Preservar, servir, cantar,
Agradecer, perdoar, recomeçar... QUERO VIVER O DIA DE HOJE
COMO SE FOSSE O PRIMEIRO,

Quero viver o momento de agora

Como se ainda fosse cedo,
Como se nunca fosse tarde. Quero manter o otimismo,
Conservar o equilíbrio,
Fortalecer a minha esperança,
Recompor minhas energias,
Para prosperar na minha missão
E viver alegre todos os dias. Quero caminhar na certeza de chegar,
Quero lutar na certeza de vencer,
Quero buscar na certeza de alcançar,
Quero saber esperar
Para poder realizar os ideais do meu ser.

ENFIM,
Quero dar o máximo de mim, para viver
Intensamente e maravilhosamente
TODOS OS DIAS DA MINHA VIDA.


Autor desconhecido

sábado, 12 de janeiro de 2008

Mais mensagens subliminares

Em seguimento do post das mensagens subliminares, aqui vão algumas:



Acreditam nisto? É preciso ter olho...
Será?



E nós que pensamos que os desenhos animados são inocentes!


Para a próxima mostro mais alguns.

domingo, 6 de janeiro de 2008

Para Todos

Este é sem dúvida mais um vídeo que merece ser referido como deveria ser visto por todos. Uma lição de vida espetacular e já agora nunca digam "Não sou capaz!" porque não é verdade.



Se acharem merecido, DIVULGUEM

quarta-feira, 2 de janeiro de 2008

Família Azevedo a Família Superstar

Fiquei deveras satisfeita com o resultado da Família Superstar pois gosto muito da Filipa Azevedo e ao longo deste programa acho que nínguém conseguio ficar indiferente a esta grande voz. Desde o princípio que achei que a Filipa tinha uma grande vozcomo uma maneira de ser muito semelhante à minha e gostava da maneira como ela estava com os outros. Apesar das duras críticas que a Filipa recebeu das colegas, que para mim eram dor de cotovelo, ela esteve sempre superior. E queria assim congratular a família Azevedo por brilharem como brilharam e pelo amor existente nesta família. Espero que muito em breve possa ouvir falar da Filipa e quando sair o seu álbum serei uma das primeiras a comprar.
Parabés e Boa Sorte família Azevedo